Parceiros

Parceiros
Mercevolks

Parceiros

São Paulo: Homem mata esposa, avisa a filha pelo celular e depois comete suicídio

Os corpos das vítimas foram encontrados em uma área de mata perto de Botucatu, interior de São Paulo, a poucos metros de distância um do outro. Ciúmes teria sido o motivador do crime.

Uma mulher de 37 anos foi encontrada morta no final de semana, com hematomas no rosto e no pescoço, no banco de trás de um carro, em Itatinga, região de Botucatu (SP).

O marido dela, de 40 anos, principal suspeito do crime, cometeu suicídio após mandar uma mensagem de celular para a filha indicando onde estava o corpo da vítima. De acordo com a polícia, no domingo (9), por volta das 9h, após receber ligação informando sobre o crime, equipe da Polícia Militar (PM) foi até uma fazenda no Distrito do Lobo, a cerca de 17 quilômetros do Centro de Itatinga, e encontrou o corpo de Rosilda Schneider no banco de trás de um Escort, com hematomas no rosto e no pescoço. A cerca de 100 metros de distância, os policiais localizaram o marido da vítima, Fabiano Claro, já sem vida, pendurado com uma corda em uma árvore.

A Polícia Científica foi acionada para realizar a perícia no local e os corpos do casal foram encaminhados ao Instituto Médico Legal (IML) de Botucatu para a realização de exame necroscópico. Segundo familiares, Fabiano havia brigado com a esposa por ciúmes. Na noite de sábado (8), ele a teria convidado para ir até a fazenda. Na madrugada de domingo, o suspeito enviou mensagem para uma filha dizendo que havia matado a mulher e que se mataria. Ele também descreveu com detalhes o local onde o carro do casal estava. Rosilda e Fabiano tinham quatro filhos. Os corpos dos dois foram sepultados nesta segunda-feira (10), no Cemitério Municipal de Itatinga. O caso, registrado como homicídio seguido de suicídio, será investigado pela Polícia Civil.

Por blog do Marcelo

patrocínios

patrocínios