Parceiros

Parceiros
Mercevolks

Parceiros

Sequestro de bebê em Conquista não tem relação com tráfico de crianças

Foto: Blog do Anderson
Ao contrário do que foi noticiado na tarde desta segunda-feira (5), o sequestro de Laila Dias Santos, de nove meses, não tem relação com o tráfico de crianças. A informação foi repassada ao Aratu Online pelo delegado Suzano Sulivan Macedo de Carvalho, titular da 1ª Delegacia de Vitória da Conquista, que está à frente das investigações. “Este é um caso complicadíssimo, já que a única testemunha, uma criança de oito anos, disse não ter visto nada. Nenhuma pessoa do vilarejo onde ela mora soube dar informações. Além disso, os sequestradores não entraram em contato solicitando o resgate, ou seja, temos um fato, que a criança foi levada, mas não sabemos para onde, nem qual a motivação”, disse. Suzano afirmou ainda que outros casos de sequestro de criança na região podem ter relação com o tráfico de crianças, mas não este. Além disso, a polícia tem tratado toda a investigação com o máximo de sigilo. Laila foi levada no dia 29 de outubro, quando estava dentro de uma casa no povoado de Matinha, localizado a 50 km da cidade de Vitória da Conquista, no Sudoeste da Bahia. Segundo ele, a participação da população é fundamental para que Laila seja encontrada. “Não temos testemunhas, nem bola de cristal para adivinhar onde a menina está. Se a população não nos ajudar, entrando em contato com a polícia, a solução será ainda mais complicada”, falou. Quem tiver qualquer informação sobre o caso pode entrar em contato com as autoridades através dos números da Polícia Civil (197); do Distrito de Segurança Pública de Vitória da Conquista (77) 3425-8300, ou da delegacia da cidade (77) 3424-4149.

por Blog do Anerson.

patrocínios

patrocínios